í
o que causa grande queda de cabelo feminino 1

O que causa grande queda de cabelo feminino?

A queda de cabelo é um problema que afeta muitas mulheres, causando baixa autoestima, ansiedade e até depressão. Mas o que leva os fios a caírem mais do que o normal? O que causa grande queda de cabelo feminino? Quais são as possíveis causas e como tratá-las?

Neste artigo, vamos responder essas e outras perguntas sobre a queda de cabelo feminino.

O que causa grande queda de cabelo feminino? O que é normal e o que é excessivo

É normal perder entre 50 e 100 fios de cabelo por dia, pois faz parte do ciclo de vida dos fios, que passam por fases de crescimento, repouso e queda. No entanto, quando a perda é superior a essa média, pode-se considerar que há uma queda de cabelo excessiva, que pode ser temporária ou crônica.

A queda de cabelo temporária, também chamada de eflúvio telógeno, é aquela que ocorre por um período limitado de tempo, geralmente devido a uma situação transitória, como estresse, alterações hormonais, deficiências nutricionais, infecções, cirurgias, medicamentos, entre outras. Nesses casos, os fios voltam a crescer normalmente após a resolução da causa.

Já a queda de cabelo crônica, também conhecida como alopecia, é aquela que persiste por mais de seis meses, podendo levar à perda parcial ou total dos fios. Existem vários tipos de alopecia, que podem ter causas genéticas, autoimunes, inflamatórias, cicatriciais ou traumáticas. Nesses casos, o tratamento é mais complexo e depende do diagnóstico correto.

Quais são as principais causas da queda de cabelo feminino

As causas da queda de cabelo feminino podem ser diversas, mas as mais comuns são:

  • Alopecia androgenética: é a forma mais frequente de queda de cabelo, que afeta cerca de 40% das mulheres. É causada por uma predisposição genética que faz com que os fios sejam mais sensíveis à ação dos hormônios androgênicos, como a testosterona. Esses hormônios reduzem o tempo de crescimento dos fios e os tornam mais finos e fracos, levando à perda progressiva dos cabelos, principalmente na região frontal e no topo da cabeça. O tratamento pode incluir o uso de medicamentos que bloqueiam a ação dos androgênicos, como a finasterida ou o espironolactona, ou que estimulam o crescimento dos fios, como o minoxidil. Em alguns casos, pode-se recorrer ao transplante capilar
O que causa grande queda de cabelo feminino
o-que-causa-grande-queda-de-cabelo-feminino

Receba os 03 E-books Gratuitos Sobre Beleza Feminina

Insira seu email abaixo e Acesse o link para download, Receba dicas, novidades e informação sobre o mundo da Beleza Feminina.

  • Alopecia areata: é uma doença autoimune que faz com que o sistema imunológico ataque os folículos capilares, provocando a queda dos fios em áreas circulares ou ovais, que podem se juntar e formar áreas maiores de calvície. A causa exata da alopecia areata é desconhecida, mas pode estar relacionada a fatores genéticos, emocionais ou ambientais. O tratamento pode envolver o uso de corticoides, imunossupressores, imunomoduladores ou fototerapia. Em alguns casos, os fios podem voltar a crescer espontaneamente.
  • Alopecia cicatricial: é um tipo de alopecia que ocorre quando há uma destruição irreversível dos folículos capilares, que são substituídos por tecido cicatricial. Pode ser causada por doenças inflamatórias, infecciosas, neoplásicas ou traumáticas, que afetam o couro cabeludo. O tratamento depende da causa da lesão, mas geralmente envolve o uso de anti-inflamatórios, antibióticos, antifúngicos, imunossupressores ou cirurgia. A recuperação dos fios é difícil, pois os folículos são perdidos definitivamente.
O que causa grande queda de cabelo feminino
o-que-causa-grande-queda-de-cabelo-feminino
  • Alopecia traumática: é a queda de cabelo causada por traumas físicos ou químicos que danificam os fios ou o couro cabeludo. Pode ser provocada por penteados que puxam muito os cabelos, como tranças ou rabos de cavalo, ou por produtos químicos, como tinturas, alisamentos ou permanentes. O tratamento consiste em evitar os fatores que causam o trauma e usar produtos que fortaleçam os fios. Em alguns casos, pode-se recorrer à cirurgia para corrigir as áreas afetadas.
  • Deficiência de vitaminas e minerais: a falta de nutrientes essenciais para a saúde dos cabelos, como ferro, zinco, biotina, vitamina D, entre outros, pode levar à queda dos fios. Isso pode ocorrer por uma alimentação inadequada, por doenças que prejudicam a absorção dos nutrientes ou por dietas muito restritivas. O tratamento consiste em corrigir a deficiência com uma alimentação balanceada e, se necessário, com o uso de suplementos alimentares.
O-que’causa-grande-queda-de-cabelo-feminino
  • Alterações hormonais: as mudanças nos níveis hormonais podem afetar o ciclo de vida dos fios, causando a queda de cabelo. Isso pode acontecer na gravidez, no pós-parto, na menopausa, no uso de anticoncepcionais, na síndrome dos ovários policísticos, no hipotireoidismo, no hipertireoidismo, entre outras situações. O tratamento depende da causa da alteração hormonal, mas geralmente envolve o uso de medicamentos que regulam os hormônios ou que estimulam o crescimento dos fios.
  • Estresse e ansiedade: o estresse físico ou emocional pode causar a queda de cabelo, pois interfere na circulação sanguínea e na nutrição dos folículos capilares. Além disso, o estresse pode levar a hábitos que prejudicam os cabelos, como coçar, puxar ou arrancar os fios. O tratamento consiste em reduzir o estresse, praticar atividades de lazer, fazer terapia e, se necessário, usar medicamentos que aliviem a ansiedade ou a depressão.
O que causa grande queda de cabelo feminino
o-que-causa-grande-queda-de-cabelo-feminino
  • Infecções e doenças: algumas infecções e doenças podem causar a queda de cabelo, como a micose, a sífilis, o lúpus, a psoríase, a dermatite seborreica, a febre tifoide, a COVID-19, entre outras. O tratamento depende da causa da infecção ou da doença, mas geralmente envolve o uso de antibióticos, antifúngicos, anti-inflamatórios, imunossupressores ou imunomoduladores.
  • Medicamentos e tratamentos: alguns medicamentos e tratamentos podem ter como efeito colateral a queda de cabelo, como a quimioterapia, a radioterapia, os anticoagulantes, os antidepressivos, os anticonvulsivantes, os betabloqueadores, os retinoides, entre outros. O tratamento consiste em suspender ou substituir o medicamento ou o tratamento, se possível, ou usar produtos que estimulem o crescimento dos fios.

O que causa grande queda de cabelo feminino e como prevenir e tratar a queda de cabelo feminino

O que causa grande queda de cabelo feminino
o-que-causa-grande-queda-de-cabelo-feminino

A prevenção e o tratamento da queda de cabelo feminino dependem da sua causa, mas algumas medidas gerais que podem ajudar são:

  • Manter uma alimentação saudável e equilibrada, rica em frutas, verduras, legumes, cereais integrais, proteínas magras, gorduras boas e água. Evitar o consumo excessivo de açúcar, sal, gordura, álcool e cafeína.
  • Usar produtos adequados para o seu tipo de cabelo, preferindo os que são naturais, orgânicos ou hipoalergênicos. Evitar o uso de produtos químicos, como tinturas, alisamentos ou permanentes, que podem danificar os fios e o couro cabeludo.
  • Lavar os cabelos com água morna ou fria.
O que causa grande queda de cabelo feminino
o-que-causa-grande-queda-de-cabelo-feminino

. O tratamento consiste em evitar os fatores que causam o trauma e usar produtos que fortaleçam os fios. Em alguns casos, pode-se recorrer à cirurgia plástica para corrigir as áreas afetadas.

Quais são os fatores de risco para a queda de cabelo feminino Alguns fatores podem aumentar o risco de desenvolver a queda de cabelo feminino, como:

  • Histórico familiar de alopecia
  • Idade avançada
  • Menopausa
  • Distúrbios hormonais, como ovários policísticos, hipotireoidismo ou hiperandrogenismo
  • Estresse físico ou emocional
  • Dieta pobre em proteínas, ferro, zinco ou biotina
  • Anemia
  • Doenças crônicas, como diabetes, lúpus ou artrite reumatoide
  • Infecções do couro cabeludo, como fungos, bactérias ou vírus
  • Uso de medicamentos, como anticoncepcionais, antidepressivos, anticoagulantes, quimioterápicos ou retinoides
  • Tratamentos capilares agressivos, como tinturas, alisamentos, permanentes ou escovas progressivas
  • Traumas no couro cabeludo, como queimaduras, cortes ou cicatrizes

Como prevenir e tratar a queda de cabelo feminino A prevenção e o tratamento da queda de cabelo feminino dependem da causa e do tipo de alopecia. Algumas medidas gerais que podem ajudar são:

  • Manter uma alimentação equilibrada e rica em nutrientes essenciais para a saúde dos cabelos, como proteínas, ferro, zinco, biotina, vitamina A, vitamina C e vitamina E
  • Evitar o estresse e praticar atividades que promovam o bem-estar físico e emocional, como exercícios, meditação, yoga ou hobbies
  • Hidratar e proteger os cabelos do sol, do vento, do calor e da poluição, usando produtos adequados para o seu tipo de cabelo e evitando o uso excessivo de secadores, chapinhas ou babyliss
  • Lavar os cabelos com água morna ou fria, usando um shampoo suave e sem sulfatos, e massagear o couro cabeludo com movimentos circulares para estimular a circulação sanguínea
  • Evitar penteados que puxem ou quebrem os fios, como tranças, rabos de cavalo, coques ou presilhas, e usar pentes ou escovas de cerdas macias
  • Cortar as pontas dos cabelos regularmente para eliminar as pontas duplas e dar mais volume aos fios
  • Consultar um dermatologista se notar uma queda de cabelo excessiva, persistente ou que cause áreas de calvície, para fazer um diagnóstico preciso e iniciar o tratamento adequado
O que causa grande queda de cabelo feminino
o-que-causa-grande-queda-de-cabelo-feminino

Conclusão A queda de cabelo feminino é um problema comum que pode ter diversas causas e tipos. É importante identificar a origem da queda e buscar um tratamento específico poara cada caso. Além disso, é possível prevenir e amenizar a queda de cabelo com hábitos saudáveis, cuidados com os cabelos e produtos que fortaleçam os fios. Assim, é possível recuperar a saúde e a beleza dos cabelos e a autoestima das mulheres.

Referências : [Alopecia androgenética feminina: diagnóstico e tratamento] : [Alopecia areata: uma revisão] : [Alopecia cicatricial: uma revisão] : [Alopecia traumática: uma revisão]

Beleza Criativa
Beleza Criativa
Artigos: 468

4 comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *